BLOG Saiba das ultimas novidades da nossa empresa.
Ação social da Veterinária Amigo Bicho vacina cães de rua contra cinomose e outras doenças 25/10/2019 - 12:23:27

Na última quarta-feira,  a iniciativa de uma parceria entre a Clínica Amigo Bicho e um laboratório internacional de vacinas veterinárias  fez mais uma ação social com os animais abandonados do Centro Histórico. "Ganhamos 20 vacinas múltiplas de um laboratório internacional de vacinas veterinárias e nossa equipe foi a campo", explica a médica veterinária Priscila Mesiano que contou com a ajuda do protetor Domingos Galante Neto. 

 

A vacina múltipla (óctupla ou déctupla) não é oferecida pela rede pública, como a antirrábica, por exemplo, e imuniza cães por 12 meses contra cinomose, parvovirose, coronavirose, hepatite infecciosa e  vários tipos de leptospirose. 

 

"Estas doenças são graves, altamente contagiosas e podem levar o animal a óbito. A vacina múltipla deve ser aplicada na primeira infância em 4 doses a partir dos 45 dias de vida e na fase adulta anualmente", a profissional orienta. 

 

O primeiro trabalho desta parceria com os cães  do Centro Histórico foi realizado em fevereiro deste ano, por intermédio do desafio #ChapolinChallenge. A hashtag viralizou por conta de uma brincadeira entre os perfis Chapolin Sincero e Domino's no Instagram. A página de humor sugeriu à pizzaria deixar a vida de pessoas em situação de rua mais feliz, distribuindo para elas pizzas na hora do almoço. A Domino's topou e desafiou com a hashtag outras pizzarias a fazer o mesmo.

 

"Com o #ChapolinChallenge, vermifugamos 30 destes animais em fevereiro e aproveitamos a divulgação da ação para pedir o apoio de laboratórios veterinários a fim de  vacinar também estes cães. Muitas vezes, estes cachorros contam com o apoio de comerciantes e taxistas na alimentação ou abrigo, entretanto ainda há muita confusão sobre a importância e a diferença entre esta vacina e a antirrábica", avalia.

 

Enquanto políticas públicas ampliando o suporte aos animais carentes e de rua não são implementadas no município,  a ideia pode servir de inspiração para que outras equipes e empresas se unam para ajudar animais de outras áreas necessitadas.

 

É importante lembrar que a multiplicação dos que ajudam não deve ser pretexto para o aumento do abandonos. Pessoas envolvidas fazem ações sociais quando podem ajudar e não são obrigadas a arcar com a irresponsabilidade de quem descarta ou negligencia  animais. 

 

De acordo com a lei brasileira, abandono e maus tratos a animais é crime!  A pena prevista pelo Art. 32 da Lei de Crime Ambientais é de detenção de 3 meses a 1 ano e multa. A pena prevista pelo Art. 164 do Código Penal é de detenção, de 15 (quinze) dias a 6 (seis) meses, ou multa.



 

VOLTAR